Brasileiros no Canadá

O jornal eletrônico da comunidade brasileira no Canadá

Revista Capoeira é lançada no Bavia Arts

Posted by José Francisco V. Schuster em 11/05/2009

CLIQUE TRÊS VEZES NAS FOTOS PARA AMPLIAÇÃO MÁXIMA

Os grupos envolvidos com a arte brasileira em Toronto, inclusive as cinco escolas de capoeira, tiveram uma rara oportunidade de encontro no entardecer do último sábado, durante o lançamento da revista Capoeira, que possui versões em inglês e português, no Centro Cultural Bavia Arts, localizado na área da St. Clair com Oakwood. “É mais uma oportunidade para colocar juntos a comunidade brasileira residente em Toronto com canadenses interessados na cultura brasileira”, disse o cônsul-geral adjunto do Brasil em Toronto, Aldemo Garcia Júnior, organizador do lançamento. CONTINUA…

A revista foi editada pela Coordenação de Divulgação do Ministério das Relações Exteriores do Brasil para divulgar a capoeira no exterior, como uma das expressões mais características da cultura brasileira. Acompanha a revista, que tem fotografias de Pierre Verger e desenhos de Carybé, um DVD com o documentário “Mestre Bimba, a capoeira iluminada”. A revista, que não é vendida, estará disponível na sua versão em papel nas escolas de capoeira de Toronto, além de ter uma versão na Internet, que poderá ser acessada através do sítio do Consulado-Geral do Brasil em Toronto (www.consbrastoronto.org).

O lançamento contou com a presença de Mestre Nenel, vindo de Salvador, que, além de capital da Bahia, pode ser considerada a capital da capoeira. Mestre Nenel esteve por uma semana em Toronto, onde inaugurou o núcleo de capoeira Filhos de Bimba, agradeceu ao Consulado em seu discurso. “Fico muito feliz quando vejo que a sociedade e o governo nos apóiam, depois de muitos anos de luta”, disse ele, satisfeito ainda com a semana de “intenso trabalho” em Toronto.

Misto de arte marcial e dança, a capoeira sofreu até há poucas décadas com a discriminação das elites brasileiras, por ser uma expressão cultural desenvolvida pelos escravos brasileiros e seus descendentes, a quem não era permitido o uso de armas pelos seus senhores. Distinguindo-se das outras artes marciais pelo acompanhamento musical (liderado pelos berimbaus), a capoeira caracteriza-se por movimentos ágeis de todo o corpo, criando acrobacias incríveis que puderam ser vistas nas várias “rodas” realizadas durante o evento.

A iniciativa de lançar a revista foi elogiada, ainda, nos discursos do cônsul-geral do Brasil em Toronto, Américo Dyott Fontenelle, do diretor do Bavia Arts, Luciano Porto, do diretor da Escola de Dança Newton Moraes (sediada no Bavia Arts), Newton Moraes, e do presidente do Grupo Brasil do Ontário, Josivaldo Rodrigues. “A comunidade brasileira está crescendo, com cinco escolas de capoeira só em Toronto, e o consulado está procurando se envolver mais, apoiando eventos dentro de suas limitações orçamentárias”, disse o cônsul-geral adjunto.

Garcia anunciou que outra oportunidade para encontro da comunidade será no aniversário do Grupo Brasil do Ontário, onde haverá música e dança brasileiras, além de outras atrações. Além disso, em 7 de setembro, dia da independência do Brasil, será realizado em Toronto o primeiro Brazilian Day, um dia depois do tradicional evento de mesmo nome em Nova York. Com apoio da TV Globo Internacional, uma das bandas que tocará em Nova York será a principal atração, além de artistas locais, em plena Dundas Square – a nobre esquina da Dundas com a Yonge. “Será um grande evento de promoção do Brasil no Canadá”, concluiu Garcia.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: